4 de mai de 2013

Sacola de feira


Frutas fresquinhas,
sabores e aromas da estação
Perfume de hortaliças,
cheiro de manjericão
Desfile de cores vibrantes e paletas
dos tons sóbrios e pastéis
(abramos um espaço aqui para os tradicionais pastéis)
Reunião de amigos que compartilham
do comprar e vender
Sorrisos, trocas de gentilezas,
dicas, receitas e sugestões
Vida em movimento,
dinheiro trocando de mãos
Vai e vêm de sacolas e carrinhos de feita
à procura dos produtos fresquinhos, pechinchas e xepas:
-"Olha o abacaxi docinho, freguesa!"
- "Uma dúzia por cinco ($)!"
- "É pra acabar!"
Não importa se na segunda, terça, quarta, quinta,
ou sexta-feira. 
Sábado e domingo não carrega feira no nome,
mas também pode ser dia de feira


Entra ano, sai ano, entra década, sai década, e alguns hábitos se mantêm praticamente intocados na vida das comunidades urbanas. Um deles é o ato de fazer compras nas feiras livres. Em São Paulo não é diferente. Temos feiras em praticamente todos os bairros da cidade. De uns anos para cá, chegou uma novidade: as feiras de produtos orgânicos. Elas são feitas sob medida para aquela parcela da população que deseja consumir produtos totalmente livres de agrotóxicos.

Pois foi em uma destas feiras, próxima ao parque Ibirapuera, que levei a fita de jacquard que desenvolvi e produzi para a empresa FAZENDA BARRA BONITA.

A FAZENDA BARRA BONITA fica nos arredores de Guararema, SP, e tem por finalidade produzir frutas de qualidade superior. Dentre seus produtos, podemos destacar frutas in natura, lichias, caqui Rama Forte, mangas Tommy e Água de Coco Fácil. Vê-se a qualidade superior já nas embalagens, que são de extremo bom gosto e cumprem com excelência a função de preservação e conservação dos produtos.




Esta fita foi concebida pelo escritório de design ESTÚDIO PEDRA, de minha amiga Dulce Horta, em sociedade com outros profissionais. Segundo Dulce, a mesma foi usada para fechar uma embalagem promocional criada por sua agência, para divulgar a carteira de produtos produzidos pelo cliente.

A fita tem o fundo branco e o logo bordado em quatro cores.




















































As fotos tiradas da fita sobre os produtos são apenas ilustrativas e não representam as frutas da Fazenda Barra Bonita.

Recado do dia: Se você não focar, dança

Domingo, final de tarde. Cenário: avenida Paulista. Som de música clássica rolando na calçada. Ao me aproximar, vi as quatro jovens bailarinas apresentando-se para a multidão. Enquanto isto, uma equipe de TV filmava, entrevistava as bailarinas e os espectadores (inclusive eu). Se colocarmos esta sequência de fotos em movimento, seremos capaz de vermos a bailarina dançar.









Um comentário:

  1. Adorei Beto......caprichadíssimo, gosto do simples e bonito!!!!

    Abraços

    Leila

    ResponderExcluir